amores são sempre amores

amores são sempre amores
perdurem ou passem logo;
espinhos, olores, cores...
e queimam tal rogo em fogo!


Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Rio de Janeiro, 20 de fevereiro de 2012 - 19h44

Nenhum comentário:

Postar um comentário