rebolas, gritas faisão [eu, em ti, medíocre?]

[eu, em ti, medíocre?]

rebolas, gritas faisão,
que tens outros universos,
pergunto: por qual razão,
não te afastas dos meus versos?


Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Cabo Frio, 11 de agosto de 2009 – 4h09

se me disseres adeus

se me disseres adeus,
viverei nos olhos teus,
a escrivinhar meu destino,
solta ao vento, em desatino.


Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Cabo Frio, 7 de setembro de 2009 – 1h43

o meu canto em desencanto


o meu canto em desencanto
chora dores, verte amor,
fico em ti, num acalanto,
vens a mim e esvaio em dor...

Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Cabo Frio, 7 de setembro de 2009 - 1h24

AGOSTO/2009

Ohhh! Sol!!!

Chegaste... e lá vou a dormir,
virei toda a madrugada,
soubeste me abduzir,
em trova te fui lua amada.


Sílvia Mota.
Cabo Frio, 25 de agosto de 2009 - 6:24hs.